Monday, April 25, 2005

Márcia



Obrigado por teres aceite colaborar no blog, com a tua escrita, a beleza da tua poesia e o conhecimento dos poetas brasileiros, infelizmente tão pouco difundidos entre nós.
Obrigado pela referência à nossa Revolução, como referes no teu comentário:

"quem viveu um tempo negro, de coerção e medo, como também vivemos aqui, jamais esquecerá a alegria sentida, aqui, do outro lado do mar, pelos cravos daquele distante e eterno, 25 de Abril."

Leva-me a pensar com tristeza, que aqui em Portugal "tudo o vento levou". Infelizmente é verdade, em grande parte é verdade, mas muito foi conseguido, não obstante as dificuldades (grandes) por que passamos.

Os cravos são para ti. São as minhas boas-vindas.

12 comments:

Anonymous said...

A verdade é que só valorizamos a liberdade e o que foi a revolução de 75 quando olhamos para os outros povos que ainda vivem em ditadura. A Liberdade é um bem extremamente precioso e nunca é demais agradecer a todos aqueles que arriscaram a sua vida para libertar o seu país. Portugal tem uma memória curta, infelizmente...

Bluegift

Márcia Maia said...

Obrigada, amigo.
Beijo grande.

BlueShell said...

Faço minhas todas as tuas palavras, Peter.

Entretanto também desejo que estejas melhor (da bactéria)...

Um beijo enorme, BShell

Peter said...

Bluegift,não pretendemos ser heróis e até à instituição do regime democrático e mesmo depois, foram cometidos muitos erros. Não tolero A NINGUÉM que venha axincalhar o nosso sacrifício. Quando saímos para a rua ninguém sabia se voltaria a entrar em casa e quando.

Peter said...

Márcia, espero que se sinta aqui como em sua casa.

Peter said...

BShell, já liquidei a bactéria. E essa garganta, como vai?

Manoel Carlos said...

Como disse no comentário anterior, a semente está lançada.
Se uma vez o povo tomou a leme, a lição foi aprendida, retomaremos a barca e navegaremos, pois há tanto mar, tanto mar...

amita said...

Excelente parceria, Peter. Fur Elise é igualmente uma bonita composição. A hora é chegada de começar a colher os frutos desta semente de Abril tão descurada. Obrigada Peter por gostares deste novo cantinho que caminha em direcção ao Mar entre Cristais e Transparências. Um Bjo amigo

BlueShell said...

Mal, Peter, mal...agora para a noite...acentua-se a febre...
Não sei como irei estar amanhã...percebes? Mal consigo falar!!!
Jinho, BShell

Peter said...

Amita,começo a sentir falta do diálogo.O meu PC está OK, fiz a limpeza e a desfragmentação do disco, por isso podes voltar a enviar imagens. Penso que a Márcia será uma óptima colaboradora.O teu "cantinho" tem aquele toque de feminilidade que lhe dá aquele ambiente acolhedor.

Peter said...

"Conchinha", não te esqueças vai dar aulas! Eles no fim dão-te uma medalha de cortiça.

Maria Odila said...

Saudades de te ler, saudades de te ver. Muito bom Márcia por aqui, É uma poeta e prosadora de primeira. Beijos beijos
Maria Odila