Wednesday, October 19, 2005

A campeã das gatas



Com maldosa insistência
Longamente se disse:
A mulher só pensa em vestir-se
(ou despir-se).
É um erro.
O que ela realmente quer é
Embalar
Embalar no corpo a alma.

A mulher não é
A campeã das gatas:
(não pode encolher as unhas)
Mas o seu arco-íris da invenção
Exige mais do que
Um tapete de peluche
Para o ron-ron.

Nada há mais exigente do que
A pertinência da análise
(a segunda facada, dizem,
dói sempre mais do que a primeira) E se passar da sombra para a luz é difícil, o contrário ainda é pior.


(Ana Hatherly)

9 comments:

lazuli said...

Bom dia, Peter!
Concordo..
"..seu arco-íris da invenção
Exige mais do que
Um tapete de peluche
Para o ron-ron.."

Um dia que traga muitos sorrisos, pela mais pequenina coisa que seja.

dulce said...

Uma definição muito intessante e q não conhecia. Ía precisamente assinalar a mesma parte do poema q a lazuli referiu.
Bjs.

A. Duarte Lázaro said...

"o que ela quer é embalar no corpo a alma"... belíssimo e como tal só te consigo ofertar o silêncio e contemplação. Antes, porém, deixo-te um beijo de amizade.

Poesia Portuguesa said...

O que a Mulher quer é realmente que lhe leia a alma. Afague os seus sentidos, nem que seja apenas com uma palavra carinhosa...

Porque Ana Hatherly, tem uma forma muito especial de escrever Poesia, que eu gosto muito, deixo-te aqui...

"Os gumes da Palavra":

"A fala
dá a conhecer
o ardor da palavra
o frio fio de seus gumes

A palavra percorre o ar
entra em nosso peito docemente
ou então agudamente
ferindo
agrdindo
destruindo tudo

A palavra é
uma vertigem de espuma
mas quando quer
penetra a fractura íntima do sentir
desvenda o imenso mal
o puro escândalo de existir."

in O Pavão Negro - Assírio & Alvim (2003)

Poesia Portuguesa said...

Um abraço e bom fim de semana :)

Peter said...

poesia portuguesa, obrigado pelo poema da Ana Hatherly. Já fiz download para futura publicação.

Bom fds

amita said...

Já tudo foi dito acima, Peter. Agradeço a partilha da sua publicação. Na sua simplicidade, o poema mostra mais do que muitas vezes se vê. Bjos e um bom dia

amita said...

Rectifico e acrescento: do que se vê e/ou do que se pretende ver.
:)**

lazuli said...

Peter, venho aqui sentar-me um bocadinho a beber uma bica e a ouvir música..